Saiba como fazer pães mais macios com nossas dicas!

shutterstock_115461271

Olá empreendedor! Hoje o Guia do Empreendedor Makro traz dicas para donos de padarias, lanchonetes, restaurantes ou até mesmo aspirantes a empreendedores. Ser dono de uma receita de sucesso é para poucos. Saber fazer o pão ideal, macio e saboroso é uma tarefa difícil, mas que apresenta alguns segredos que te ajudarão a chegar lá.

Uma primeira dica fundamental é utilizar bons ingredientes. Não adianta querer baratear o custo utilizando ingredientes de segunda mão, se o cliente irá perceber a diferença. Valorize um bom fermento biológico e seu pão ficará mais saboroso e macio. A farinha de trigo, por ser a base do pão, também deve ser de qualidade.

Outra dica especial é preparar uma mistura com o fermento, juntando um copo de água, 1 colher de farinha de trigo e 2 colheres de açúcar. Ao fazer essa massinha, passe a seguir a receita original e o tempo de crescimento da massa será reduzido. Procure, também, realizar diversos testes com tipos diferentes de farinhas.

Você tem problemas com o crescimento do pão e sempre acaba deixando queimar? Uma boa estratégia é colocar a assadeira dentro de outra assadeira no forno. Isso evita com que o fundo do alimento se queime muito rápido.

O descanso da massa é um dos momentos principais e determinantes do processo produtivo do pão. Você deve respeitar o tempo indicado em sua receita. Para deixar a massa descansando para crescer, você pode reparti-la em pedaços ou já formar e modelar como preferir.

Alguns pães são tradicionalmente modelados como um trança.
Portanto, empreendedor, siga essas dicas que há grandes chances de você ser o lugar preferido do público-alvo para comprar o pão. Não deixe, também, de inovar com recheios e formatos diferentes. Boa sorte, empreendedor.

Dicas para assar pizza na Pedra Refrataria

shutterstock_136631573

Olá empreendedor! Você é dono de pizzaria ou pretende abrir uma? Um dos principais utensílios para esse estabelecimento é um forno para assar as pizzas. Porém, alguns cuidados são necessários para não estragar e saber manusear esse item indispensável. Hoje, o Guia do Empreendedor Makro te dá dicas e sugestões.

Primeiro, apesar do que muitos acreditam, a pedra para pizza é muito sensível e deve ser manuseada delicadamente. Mudanças drásticas na temperatura, por exemplo, podem danificá-la. Não se esqueça então de, antes do uso, passar um pano seco sobre a pedra, coloque-a em um forno frio e só depois a ascenda. É importante fazer esse procedimento para que um choque térmico não ocorra.

Ainda sobre a questão da temperatura, caso você for aquecer uma pizza congelada, deixe para aquecer o forno junto com a pizza. Verifique constantemente se o cozimento está sendo feito de acordo para evitar perda de matéria-prima.

A limpeza da pedra deve ser feita de forma minuciosa. Deixe-a esfriar naturalmente. Retire-a do forno com luvas especiais, como a para cozinha industrial. Caso julgue necessário, busque ajuda para evitar que acidentes ocorram. Quando a pedra estiver fria, limpe a superfície com escova rígida e seca ou com um pano úmido. Para essa função, evite o uso de sabão, pois pode danificar o utensílio.

Por fim, realize limpezas rotineiras para evitar que sujeiras ou restos de alimentos entrem em contato com as pizzas a serem preparadas. Produtos químicos utilizados podem alterar o sabor do alimento, por isso evite usá-los.

Confira as dicas de Receitas com bananas para inovar no seu Restaurante e Lanchonete!

Manfin - Banana - Makro

Olá empreendedor! Dia 22 de setembro é o dia da banana. Para comemorar essa deliciosa fruta, o Guia do Empreendedor Makro traz dicas e sugestões para você fazer uso desta data e atrair mais clientes para o seu negócio. Confira duas receitas rápidas e deliciosas.

O cupcake de banana agrada tanto aos mais velhos, como a criançada. Aprenda a receita:

CUPCAKE DE BANANA

Ingredientes:

  • 4 bananas
  •  ½ xícara de óleo
  • 1/3 xícara de leite
  • 1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
  •  1 colher (chá) de fermento em pó
  •  1 colher (sopa) de canela em pó
  •  ½ colher de essência de baunilha
  •  1 ½ xícara de açúcar
  •  2 xícaras de farinha de trigo
  •  2 ovos.

Modo de preparo: Primeiro, pré-aqueça o forno a 180ºC e pique as bananas. Em uma batedeira, bata as frutas até formar um purê. Adicione os ovos, a baunilha, o óleo e misture bem. Acrescente os ingredientes secos, alternando com o leite e misture. Coloque a massa em forminhas e asse por aproximadamente 30 minutos. Para saber se já está pronto, faça o teste do palito.

  • Rendimento: 12 cupcakes.

 

A pizza de banana é também uma boa alternativa para oferecer aos clientes e que agrada a todos os gostos.

Ingredientes:

  • Massa de pizza tradicional
  • 6 bananas em rodelas
  • 1 lata de leite condensado
  • Canela e açúcar a gosto

 

Modo de preparo: Distribua as rodelas de banana por cima da massa de pizza e polvilhe açúcar com um pouco de canela. Leve ao forno médio 180ºc pré-aquecido, por mais ou menos 25 min sempre observando para não queimar as bananas.

Quando a pizza estiver assada, retire do forno, regue com o leite condensado e sirva em seguida.

Portanto, para obter sucesso nessa data especial, o segredo é usar a criatividade e a percepção sobre seus clientes. Saber identificar o que irá despertar o interesse de seu público é fundamental para tomar decisões como acrescentar o cupcake de banana em seu cardápio ou não. Boa sorte, empreendedor!

Saiba como abrir uma garrafa de vinho espumante corretamente

shutterstock_120847768 (1)

Ideal para acompanhar qualquer celebração com familiares e amigos por sua versatilidade de harmonizações e por fazer parte do gosto de quase todos, o vinho espumante é um item que não pode faltar na sua reserva!

Assim como outros vinhos, o espumante exige alguns cuidados especiais para que possa aproveitar a experiência de consumo ao máximo, e um dos passos principais para manter o aroma e o sabor é a abertura da garrafa. Por isso, hoje trazemos dicas de como abrir e preservar a sua garrafa durante as comemorações.

O primeiro passo começa antes mesmo da abertura do vinho. Antes de servir, a garrafa deve estar refrescada, e assim deverá ser mantida ao longo de todo o consumo.

Uma vez pronta para a abertura, é necessário repousá-la, imóvel, sobre uma mesa e retirar todo o seu invólucro sem girá-la ou movimentá-la bruscamente. Para facilitar esta etapa, diversos espumantes vêm com uma pequena abertura no lacre para facilitar sua retirada.

Em seguida, desmonte a armação de arame cuidadosamente para libertar a rolha, que deverá estar pronta para a abertura. Pegue, então, um pano ou toalha e envolva o pescoço da garrafa nele, de forma que a rolha permaneça palpável para ser retirada.

Permaneça com a garrafa pousada sobre alguma superfície e comece a rodar lentamente a rolha, mantendo-a direcionada a um ponto neutro que não a permita atingir a nenhum convidado. Com um pouquinho de força e cautela, a rolha não tarda a estourar e liberar o espumante!

Pronto! Agora é só servir a bebida aos presentes! E para evitar a formação de espuma, preencha o fundo das taças com um pouco de vinho, aguarde alguns segundos e em seguida termine de encher!

Saúde!

Pastel de feira: Receitas e Dicas

shutterstock_84119584

Olá empreendedor! Para finalizar nossa semana, hoje daremos dicas para aguçar o paladar dos seus clientes! O Guia do Empreendedor Makro te ensinará todos os segredos de como fazer um pastel de feira em casa para você comercializar ou para servir em seu restaurante Confira já o passo a passo para chegar ao melhor resultado possível:

Ingredientes:

  • 4 xícaras de farinha de trigo
  • 400ml de água
  • 2 colheres (sopa) de óleo
  • 1 colher (sopa) de sal
  • 50 ml de cachaça
  • Recheio à escolha

Modo de preparo:

  1. Misture 3 xícaras de farinha com o sal.
  2. Abra um buraco no meio da farinha e insira a água e o óleo aos poucos para incorporar a massa.
  3. Adicione a cachaça e continue misturando.
  4. Em uma superfície lisa, sove a massa até que fique homogênea e deixe de grudar nos dedos. Utilize a farinha restante, se necessário, para chegar ao ponto.
  5. Cubra com um pano úmido e deixe descansar por 15 minutos.
  6. Abra a massa até que fique bastante fina.
  7. Corte a massa com uma faca em um formato aproximado de 30cm por 10cm.
  8. Recheie a massa, preenchendo-a até a metade do espaço com o sabor desejado.
  9. Dobre o pastel ao meio e feche as bordas com um garfo.
  10. Frite os pastéis em óleo quente (a 180ºC) e sirva a seguir!

Apesar de simples, a receita pode ser consideravelmente aprimorada com pequenos detalhes, e aqui você confere algumas dicas de ouro para ter o melhor pastel da região!

        Dicas:

  • Sove bastante a massa para que ela fique bem lisa e homogênea antes de inserir o recheio. Para tanto, utilize cilindros na hora de abrir o conteúdo!
  • O pastel muito preenchido pode acabar saindo muito quente e queimar a língua do cliente, enquanto que o vazio também não agradará a ninguém. Por isso, permaneça sempre próximo à metade do espaço com o recheio!
  • Evite manter o pastel no congelador, ou a massa pode despedaçar na hora da fritura! O ideal é que ele vá direto da dobra para a panela!
  • Atente para a temperatura do óleo: muito frio –com muitas ondas—, ele pode deixar o pastel muito engordurado; muito quente –com muitas bolhas—, a tendência é que torre sem esquentar muito o recheio. Fique próximo dos 180ºC!
  • Ainda para esquentar todo o recheio, permaneça virando o pastel no óleo durante todo o período de fritura. Assim, ele sai sequinho e crocante para o cliente!

Agora que você já tem um pastel irresistível, prepare-se para produzir em larga escala e atrair cada vez mais clientes para o seu estabelecimento!

Ideia de negócio: Que tal abrir uma distribuidora de bebidas?

Makro - Distribuidora de bebidas

Olá empreendedor! Sempre sonhou em abrir seu negócio próprio? Hoje,falaremos quais os passos para abrir uma distribuidora de bebidas. Daremos dicas e conselhos que te auxiliarão a se desenvolver nesse segmento.

O primeiro passo, assim como em qualquer negócio, é fazer uma análise de mercado sobre quais os principais competidores, quais as oportunidades e dificuldades do setor, entre outros quesitos. Não se esqueça, também, de realizar uma pesquisa mais aprofundada para identificar o público-alvo, quais os diferenciais que eles buscam, o que valorizam, etc.

Um segundo ponto diz respeito a localização do negócio. É fundamental, claro, obter um espaço físico de acordo com o tamanho da distribuidora que você busca criar. Apesar de ser mais caro, conseguir um bom local para criar seu negócio facilita na hora de atrair clientes e fidelizar o cliente.

A legislação acaba sendo um ponto que muitas pessoas não se atem, mas que é de suma importância, dado que pode ser um grande problema caso não esteja de acordo com a norma vigente no setor. Procure um especialista caso você não estiver familiarizado com os documentos e autorizações necessários para o funcionamento do estabelecimento.

Para quem tem uma distribuidora, é primordial ter bons fornecedores para que não haja problemas com atrasos e falta de reposição do estoque das bebidas. Com relação aos funcionários que trabalharão na distribuidora, ofereça treinamentos para que eles entendam das bebidas com que estão trabalhando. Saiba que funcionários bem treinados evitarão que problemas com satisfação do cliente comecem a surgir.

Por fim, busque meios eficientes de divulgação de seu novo negócio. Não economize nessa fase do projeto. É fundamental que as pessoas saibam da existência de seu empreendimento para elas irem até a distribuidora. Pense sempre que publicidade não é um gasto, mas um investimento que irá lhe trazer ainda mais retornos no futuro. Mãos à obra!

Saiba como manter as folhas da salada crocantes por mais tempo!

shutterstock_290288030

Olá empreendedor! Hoje daremos uma dica excelente pra você que é dono de restaurante ou pretende abrir um negócio e não quer perder dinheiro com desperdício. Para dar inicio a nossa semana, falaremos sobre como manter as folhas de uma salada limpas e frescas por mais tempo.

O primeiro passo é lavar as folhas. Você deve separar uma a uma e deixar em uma vasilha de água por aproximadamente 5 minutos. Após esse período, utilize uma secadora de salada centrífuga para secá-las. Caso ache necessário, deixe-as secar por uns minutos antes de realizar esse processo.

Separe um pouco de papel toalha e coloque sobre a mesa. Retire as folhas de alface e deixe secar por uns minutos sobre o papel. Repita o processo até que todas as folhas estejam secas. Caso queira economizar em papel toalha, você pode também deixa-las secar sobre uma toalha, desde que ela esteja limpa e seca.

Depois deste processo, coloque as folhas de alface em sacolas grandes térmicas e guarde na geladeira. De preferência, deixe na gaveta de vegetais da geladeira, onde a temperatura é adequada a esse tipo de alimento. O armazenamento é recomendado por até 2 semanas. Após esse período, a verdura deve ser descartada.

Para manter a crocância, é necessário cobrir o recipiente em que as saladas ficam com papel toalha e papel filme, mantendo-a assim na geladeira até o momento de utilizá-la. Seguindo essas dicas, você reduzirá perdas, além de oferecer uma salada muito mais fresca e crocante para seus clientes.

Confira dicas para lidar corretamente com o forno a lenha de sua pizzaria

Makro - Pizzaria

Olá empreendedor! Você é dono de pizzaria, mas sempre tem problemas com o forno a lenha? Por ser o principal motor de seu negócio, é fundamental saber manejá-lo da forma correta a fim de evitar problemas que possam prejudicar o andamento do negócio. O Guia do Empreendedor Makro te ajuda com algumas dicas:

  1. Limpe sempre o forno para que não fiquem resquícios de alimentos ou mesmo cinzas. Para manter um padrão de qualidade constante em seu negócio, é fundamental seguir certos requisitos de limpeza.
  2. Utilize eucalipto, por ser o melhor tipo de lenha para pizzaria. É ideal, pois não deixa cheiro, nem gosto, no alimento que está sendo preparado. Esse tipo de madeira é, normalmente, vendido em carvoarias em tamanhos ideais já para oforno a lenha.
  3. Faça o fogo no centro do forno. Utilize acendedores de fogo, gravetos e lenha. Os gravetos ajudarão o fogo a pegar mais rapidamente. Após a chama ficar mais uniforme, acrescente gravetos e pedaços de lenha para manter um fogo constante. Mantenha esse fogo na mesma altura por aproximadamente 20 minutos.
  4. Atente-se ao teto do interior do forno. Quando a fuligem do fogo mudar de preto para branco, é um indicativo de que as paredes atingiram a temperatura ideal.
  5. Empurre o fogo e os carvões para o lado do forno quando o teto inteiro ficar branco. Esse é um indicador de que o forno inteiro está ficando com a mesma temperatura. Isso ajudará para que a pizza fique uniforme.

Alguns estabelecimentos se destacam em qualidade simplesmente por saberem manusear melhor o forno a lenha ou por usarem madeira melhor, como o eucalipto que não altera o alimento a ser preparado. Atente-se a esses detalhes para tornar sua pizzaria uma das melhores e aumentar cada vez mais as vendas.

Boa sorte, empreendedor!

Harmonize vinho e pimenta com as dicas do Makro Speciale

shutterstock_259104998

O universo gastronômico guarda segredos que poucos imaginam!

Uma das combinações mais intrigantes e que à primeira vista pode parecer complexa ou mesmo impossível é a de vinho com pimenta. A ardência de um parece não lidar bem com os aromas frutíferos do outro, mas na realidade as possibilidades são diversas e os resultados maravilhosos!

Para chegar a harmonizações saborosas, primeiro é necessário saber como se dão os efeitos de cada um dos componentes no paladar.

Do lado da pimenta, algumas substâncias (capsaicina e piperina) provocam ardor nos receptores nervosos da boca, que respondem com a liberação de saliva e endorfina, anestesiando a região e reduzindo a compreensão de diferentes gostos.

Para atenuar este efeito analgésico, alguns vinhos podem ter sua acidez e sua doçura aproveitados, e dois tipos deles são especiais para este fim: os brancos e rosés, principalmente no caso dos mais ácidos.

Nos casos de vinhos tintos, a situação é mais delicada, já que a pimenta pode acentuar o sabor do tanino, gerando amargor ainda mais intenso. Por isso, vinhos mais leves e com menor presença de taninos serão melhor harmonizados.

Independente da escolha procure não exagerar na quantidade de pimenta, ou senão não haverá nenhum vinho com características ácidas o suficiente para chegar a uma boa combinação!

 

Conheça receitas inovadoras de carnes recheadas para sua lanchonete e restaurante

shutterstock_264801014

Olá empreendedor! Você é dono de uma lanchonete ou um restaurante e quer inovar na cozinha? Oferecer diferentes opções de pratos é sempre um diferencial para qualquer estabelecimento. Mesmo sabendo disso, poucos buscam se inovar constantemente. Hoje o Guia do Empreendedor Makro te ajuda nessa estratégia ensinando duas receitas saborosas de carne recheada.

  • Filé mignon recheado:

Ingredientes: 2 colheres (sopa) de suco de limão, 1/3 de xícara (chá) de vinho branco, 2 colheres (sopa) de óleo, 1/3 de xícara (chá) de conhaque, 2 colheres (sopa) de manteiga, 2 colheres (sopa) de alecrim, 200g de presunto cru cortado em fatias, 2 dentes de alho amassadas, 1 kg de filé mignon, sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de preparo: Abra o filé ao meio para temperá-lo com sal, alho e pimenta. Ponha o alecrim e as fatias de presunto sobre o filé aberto. Dobre a carne, fechando-a e, pós isso, amarre com um barbante. Unte o filé com manteiga, coloque em uma assadeira e regue com o conhaque. Deixe na geladeira por uns 30 minutos até a manteiga endurecer. Após esse tempo, frite a carne em óleo quente, virando-a um pouco para que os dois lados dourem. Acrescente o suco de limão quando a carne estiver dourada e espere mis 5 minutos. Espete a carne para ver se já está no ponto. Se o espeto sair rosa, está pronto.

  • Lagarto recheado com maçã:

Ingredientes: 1 colher (chá de farinha de trigo), 1 xícara (chá) de água quente, 1 xícara (chá) de vinho branco, ½ xícara (chá) de ameixas secas, ½ xícara (chá) de óleo, 1 cebola picada, 2 maçãs descascadas e cortadas em pedaços, 1,2 kg de lagarto limpo, sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de preparo: Fure a carne no meio e retire um “miolo”. Tempere essa parte com sal e pimenta. Misture metade da cebola com as maçãs e as ameixas. Recheie a carne e feche a abertura com palito de dente. Aqueça o óleo em uma panela de pressão e doure a carne. Junte a cebola restante e mexa por aproximadamente mais 2 minutos. Acrescente vinho e complete com água.  Tampe a panela e cozinhe por 30 minutos até a carne ficar macia. Abra a panela, retire a carne e mantenha-a quente. Polvilhe a farinha de trigo no caldo do cozimento e mexa até engrossar o molho. Sirva a carne fatiada com o molho quente.

Alguns restaurantes oferecem opções sempre muito semelhantes, os chamados pratos executivos. Você pode acrescentar essas duas novas opções que ensinamos para diferenciar-se de seus concorrentes e atrair ainda mais clientes!